https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/06/neurilan.jpg

GESTÃO EMANUEL PINHEIRO

Neurilan aprova gestão e cita desgastes do "paletó" em caso de reeleição; VEJA VÍDEO

Mato Grosso Mais

O Presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PSD), avalia como positiva a gestão de Emanuel Pinheiro (MDB). A fala foi feita em seu gabinete, em entrevista ao esta semana.

Mas afirma que uma possível candidatura à reeleição do prefeito da Capital seria difícil, em meio a acontecimentos polêmicos que marcaram o chefe do Executivo Municipal antes do mesmo chegar ao Palácio Alencastro quando ainda deputado estadual.

“Tem os desgastes pelo que aconteceu no passado, todo mundo sabe, nós não podemos ser hipócritas de omitir esse desgaste que ele tem. Nós não sabemos ainda se o ano que vem, havendo a eleição, qual que é o peso que isso vai representar na campanha municipal”, afirma.

O presidente da AMM se refere a um vídeo em que Emanuel Pinheiro, quando ainda era deputado estadual, aparece recebendo maços de dinheiro do então chefe de gabinete do governador Silval Barbosa (sem partido), Sílvio Corrêa. O prefeito sempre negou nas entrevistas à imprensa que cometeu algum crime.

Fraga esclarece que em aspectos políticos, Emanuel enfrentaria uma campanha turbulenta, entretanto, afirma que em caráter de gestão houve um grande avanço na capital.

“A avaliação que eu faço de uma forma geral, é uma avaliação positiva. Eu tenho visto bastante elogios em relação a gestão do Emanuel Pinheiro (MDB). Com relação a asfaltar, pavimentar ruas e bairros, a limpeza e o cuidado da cidade”, afirma.

Embora seja o principal nome do MDB, Emanuel Pinheiro também tem dito constantemente que o seu foco é o trabalho frente à prefeitura, sempre despistando que seja pré-candidato a uma reeleição.

Neurilan ainda destaca melhora nas articulações para a resolução de problemas na área da saúde.

“Com todo esforço da nossa banca federal, do governo de Estado e da próprias prefeitura e em relação ao novo Pronto-Socorro de Cuiabá que já está quase nos ‘finalmente’ para estar 100% funcionando. Isso vai melhorar muito no Estado e principalmente em Cuiabá”, ressalta.

Por fim, o presidente defende ainda que o município precisa fazer um grande programa de modificação para melhorar a saúde no interior, diminuindo o fluxo de pacientes de fora.

“O sistema hoje está podre, precisamos mudar as pessoas que estão comandando esse processo, o foco de como atender e de regionalizar os atendimentos lá no interior e evitar que as pessoas venham para Cuiabá”, finaliza.

Veja vídeo:

*Sob supervisão do editor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 16 de junho de 2019 às 08:55:39
  • 15 de junho de 2019 às 07:10:08