https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/07/55f0350514d8fdfc688e8dbf7e92f72a582518224df2f.jpg

ADMINISTRAÇÃO DE EXCELÊNCIA

Nova Mutum faz 31 anos; município é um dos melhores do país

Assessoria

O município de Nova Mutum (238 km de Cuiabá) completa, nesta quinta-feira (4), 31 anos de emancipação política. A prefeitura, sob o comando do prefeito Adriano Pivetta, programou para esta noite, a partir das 19 horas, uma palestra do artista Rodolfo Abrantes, cantor, compositor, multi-instrumentista, pastor e ministro evangélico.

Na sequência, às 21 horas, será vez do cantor católico Tony Allyson se apresentar. O artista é fundador da Missão Marca da Vitória, realizada há 6 anos no Santuário da Sagrada Família em Goiânia – GO. Seu canal do Youtube ultrapassa a marca de 35 milhões de visualizações.

COMO NASCEU NOVA MUTUM

Antes de ser colonizada a região era conhecida como “Irmandade” e pertencia a Jorge Rachid Jaudy. Em 1966 um grupo de empresários paulistas capitaneados por José Aparecido Ribeiro, adquiriu uma extensa área de terras, de aproximadamente 169 mil hectares no município de Diamantino, constituindo a Mutum Agropecuária S/A. Conseguiram a aprovação junto a SUDAM do projeto de pecuária em área de 120 mil hectares, sendo 54 mil hectares de pastagens e 60 mil hectares para reservas florestais, restando 56 mil hectares para futuras ampliações. O projeto de pecuária consistia em cria, recria e engorda de bovinos, divididos em dois grandes núcleos: Arinos e Mutum. O projeto foi implantado definitivamente em 1981.

UM DOS MELHORES DO CENTRO-OESTE

Com quase 50 mil habitantes, Nova Mutum é considerado como um dos 10 municípios do Centro-Oeste melhor para se morar.

A economia é movimentada pela agropecuária, com destaque para a produção de grãos, como soja, milho e algodão, além de frigoríficos. A cidade possui grandes empresas  como a Bunge e a BRF S.A. (Sadia e Perdigão), o que faz de Nova Mutum o segundo maior produtor de grãos de Mato Grosso e um dos maiores do Brasil, com uma área de 410 mil hectares de soja plantada e é o 3º maior exportador do Estado e o 41º do país.

A Revista IstoÉ e a Austin Rating apontaram que Nova Mutum é a 8ª cidade do no Brasil no ranking indicador econômico, quesito “comércio exterior”, e 28º colocado no indicador social, quesito “saúde” entre os melhores municípios do país .

A cidade é cortada pela Rodovia Federal BR-163, principal rota de escoamento da safra.

EDUCAÇÃO

Nova Mutum é polo regional de qualificação industrial, o município possui uma unidade do Senai que disponibiliza mais de quatro mil vagas em cursos de Educação Profissional nas áreas de Alimentos e Bebidas, Construção, Gestão, Saúde, Segurança no Trabalho, Tecnologia da Informação e Automotiva.

Além de Nova Mutum, também são atendidos os municípios de Alto Paraguai, Arenápolis, Diamantino, Nortelândia, Nova Marilândia, Nova Maringá, Santa Rita do Trivelato, Santo Afonso e São José do Rio Claro. A unidade é a mais moderna e sustentável do Estado, sendo referência em arquitetura, design e sustentabilidade, com uma área total de 4.824,63 m² que comporta laboratórios de informática, manutenção de microcomputadores, corte e costura, panificação, elétrica e automação, manutenção, mecânica e máquina operatriz. Com 20 salas de aulas, uma biblioteca, ambiente para ações móveis, auditório, cantina e refeitório.

A cidade conta com um Campus da Universidade Estadual do Mato Grosso (UNEMAT), que disponibiliza os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Agronomia. Nova Mutum é referencia em educação com escolas estaduais e municipais de alto padrão, com piscina, aulas de natação, balé , judo e alimentação acompanhada por nutricionistas. Sua nota no Ideb 2015 é de 5,8.

Nova Mutum ainda é atendida, por diversas Faculdades e Universidades EAD. Destaca-se entre elas, a UNIJÁ , que atua na área de Engenharias (Agronômica, Civil, Elétrica, Mecânica), Arquitetura, Nutrição, Farmácia e muitos outros cursos em desenvolvimento. Estima-se a construção do novo campus da Universidade para meados de 2019, onde serão centralizados todos os laboratórios práticos exigidos pelo MEC e essencial para a formação dos profissionais.

ADMINISTRAÇÃO DE EXCELÊNCIA

O prefeito de Nova Mutum, Adriano Pivetta (PDT), é um campeão de votos. Pela quarta vez, Pivetta está no comando do executivo municipal. A primeira vez que assumiu a prefeitura foi em 2001. Foi reeleito e ficou até 2008. Adriano Pivetta voltou a chefiar a cidade em 2013, sendo novamente reeleito. Curiosamente, na última eleição que o reconduziu, Pivetta não teve adversários.

A popularidade do pedetista é tanta que de um total de 23.942 eleitores, 20.239 compareceram às urnas e 16.720 votaram nele. Números que impressionam, mas a explicação é a forma como o prefeito administra o município.

De acordo com o Tribunal de Contas do Estado (TCE),  Nova Mutum é a cidade com melhor gestão fiscal de Mato Grosso, onde já recebeu da Corte de Contas a nota “A” de Gestão de Excelência.

A avaliação é feita com base no Indicador de Gestão Fiscal dos Municípios (IGFM), baseado nos cálculos formulados pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (FIRJAN).

Para chegar a nota de excelência o Tribunal de Contas avalia a responsabilidade administrativa, por meio de indicadores que possibilitem o aperfeiçoamento das decisões quanto a locação de recursos públicos, bem como maior controle social da gestão fiscal.

Um levantamento feito por um instituto de pesquisas do Estado colocou o prefeito de Nova Mutum como o mais popular dos gestores mato-grossenses. O índice de aprovação do pedetista chega a quase 90%. (Com Wikipédia/Pesquisas na Internet).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 4 de julho de 2019 às 17:45:13
  • 4 de julho de 2019 às 17:38:22