https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2018/05/Cadeia.jpg

CRIME EM 2012

Após 7 anos, engenheiro é preso acusado de estuprar menina de 9 anos em MT

Reprodução

Um engenheiro civil foragido da Justiça pelo crime de estupro de vulnerável foi preso pela Polícia Judiciária civil, na tarde de quinta-feira (15), na Capital, em ação da Gerência Estadual de Polinter e Capturas.

E.O.C. de 41 anos, teve a ordem judicial de prisão preventiva decretada pela 14ª Vara Criminal da Comarca de Cuiabá, após ser condenado a pena de 12 anos de reclusão por estupro de vulnerável.

O procurado foi localizado e preso pelos policiais civis da Polinter no bairro Nossa Senhora Aparecida.

Segundo apurado, E.O.C. tinha conhecimento da condenação pelo crime de violência e abuso sexual, cometido no ano de 2012, tendo como vítima uma menina, de 9 anos.

Para não ser descoberto, o engenheiro civil vivia em municípios do interior do Estado, alternando sua permanência nas cidades. Ele passou por Colíder, Alta Floresta e Sinop, sempre na intenção de dificultar o trabalho da polícia.

Durante diligências investigativas, a equipe da Polinter levantou suspeitas que E.O.C. estaria em Cuiabá.

De posse das informações os investigadores em trabalho de monitoramento, lograram êxito em surpreender o procurado no bairro Nossa Senhora Aparecida.

Ao ter o mandado de prisão preventiva por condenação cumprido, E.O.C. foi conduzido até a Polinter para providências cabíveis. Posteriormente o preso foi apresentado para audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 17 de agosto de 2019 às 14:50:35
  • 17 de agosto de 2019 às 14:48:22