https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2017/03/55733fbc267e2ef3532d3f242b5795a5-e1521144522483.jpg

SEM RADICALISMO

Júlio diz que DEM precisar manter "portas abertas" para diálogo com MDB de Emanuel

Midianews

O vice-presidente do DEM de Mato Grosso, Júlio Campos (DEM) disse, em entrevista à imprensa, após o desfile de 7 de setembro, neste sábado (7), em Cuiabá, que o Democratas terá candidato à prefeitura de Cuiabá.

O ex-governador chegou a citar alguns dos nomes do partido como o presidente do DEM, Fábio Garcia, o secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho, e o ex-prefeito de Cuiabá, Roberto França, que ainda se encontra filiado ao PV.

“O nosso partido tem realmente interesse em disputar com candidatura própria. Aliás já temos até alguns bons nomes do partido filiados que podem ser escolhido para ser o grande candidato. O nome do ex-deputado federal Fábio Garcia, o nome do atual secretário de Saúde Gilberto Figueiredo, o nome do atual chefe da Casa Civil Mauro Carvalho e o nome mais forte que todos popularmente com chance de ser vitorioso é do apresentador Roberto França”.

Porém, Campos argumentou que na política é preciso ter diálogo para a construção de um projeto.

Com isso, ainda há uma grande perspectiva de que o MDB, de Emanuel Pinheiro, possa ter apoio do DEM ano que vem.

“Não significa isso que a gente descarta a possibilidade de uma coligação. E se não houver possibilidade? Por que não manter uma porta aberta de discutir politicamente com o MDB? O partido não pode fechar as portas a conversar com todos.”

A visão de Júlio Campos não é a mesma do presidente do DEM, Fábio Garcia, e também do governador Mauro Mendes (DEM). Ambos querem um candidato próprio para disputar o Alencastro, longe de qualquer possibilidade de coligação com o MDB, de Emanuel Pinheiro.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 9 de setembro de 2019 às 08:06:26
  • 8 de setembro de 2019 às 07:43:18