https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/12/494419a1d262cfa584f2a9b1b3b7ddba.jpg

DIARIAMENTE

12 mil pessoas devem circular pela nova Estação Bispo

Luiz Alves

O prefeito Emanuel Pinheiro inaugurou a Estação Bispo Dom José, na Avenida Tenente Coronel Duarte (Prainha), nesta terça-feira (17).

A obra, iniciada em agosto deste ano, inclui a revitalização da Praça Bispo Dom José e obedece aos mesmos critérios de segurança, conforto e sustentabilidade das estações Alencastro e Ipiranga.

Na ocasião, Pinheiro destacou que a Estação, criada a partir de containers, é climatizada e conta com energia solar, espaço para carregar celulares, Wi-Fi, mais acentos para acomodar os usuários e televisão com estimativa de chegada de ônibus. “Demonstramos respeito ao cidadão, que antes estava exposto à chuva e ao sol.”

A edificação é dividida em dois módulos climatizados de 90m², com metragem total de 335,95 m², por onde circularão mais de 12 mil passageiros por dia.

Os módulos A e B atenderão 32 linhas de ônibus com destino às regiões do CPA e do Coxipó, respectivamente.

Com relação à Praça, ele lembrou a importância histórica do espaço, que abriga um importante símbolo da cuiabania, o Chafariz do Mundéu.

“A inauguração coroa este local como um símbolo de conforto e respeito à tradição. Por isso, o chafariz do Mundéu foi restaurado conforme seu traçado original.”

Para a aposentada Maria Sebastiana Brasil, de 84 anos, a inauguração trouxe vida nova à região, a qual ela viu se desenvolver nas últimas décadas.

“Eu morava aqui quando era criança, vi muita gente importante sair dessa região, conhecia todo mundo. Então eu sinto que eu faço parte dessa história, que deveria estar aqui. Ficou tudo lindo.”

A partir de hoje as linhas atendidas pelo módulo A serão: 107, 206, 213, 301, 308, 309, 310, 313, 314, 319, 323, 340, 390 e 404.

Já as atendidas pelo módulo B serão: 103, 103b, 501, 507, 508, 517, 525, 530, 540, 607, 607, 609, 613, 615, 706, 711, 720 e 730. No local, agentes da Semob orientam os passageiros sobre os itinerários.

O titular de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, lembra que em março a Pasta entregou a Estação Ipiranga e a revitalização da Praça Maria Taquara, com um novo ponto de ônibus.

“Essas ações vão ao encontro da proposta de humanização da gestão e dos serviços. Os reflexos também podem ser observados nas trocas de pontos de ônibus, realizadas gradualmente pela cidade.”

Ele explica que as inaugurações irão otimizar o fluxo das linhas, especialmente se consideradas outras melhorias no transporte da Capital.

Em pouco mais de dois anos houve importantes alterações como a implantação de linhas expressas, ônibus articulados e duas novas estações.

De acordo com ele, outras melhorias estruturais serão observadas após o lançamento da licitação do transporte coletivo.

Além disso, o setor trabalha em outras ações que beneficiarão a população.

Exemplo disso é adesão em ata de registro de preço, para implantação de abrigos que atenderão todas as regiões de Cuiabá.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *