https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/01/f4799e20fb953cabe9a5302510c2f857.jpg

"LUTAREMOS ATÉ O FIM"

Comunidade escolar Nilo Póvoas protestam contra fechamento

Após rumores de que a Escola Estadual Professor Nilo Póvoas, seria fechada, alunos e professoras protestaram pelas ruas do Centro de Cuiabá, na manhã desta quinta-feira (09), contra o possível fechamento da instituição que neste ano completa 50 anos de história.

“Não feche nossa escola, pois, é nossa segunda casa” e “Lutaremos até o fim”, protestavam.

A escola está localizada no bairro Bandeirantes, no centro da capital. Os estudantes, em forma de protesto,  seguraram cartazes nos sinaleiros do cruzamento das Avenidas Coronel Escolástico e Tenente Coronel Duarte (a Avenida da Prainha).

Eles também entregaram mensagens aos populares que passavam pelo local, pedindo ajuda, para a sociedade cuiabana não deixar fechar a escola estadual.

Outro Lado

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) emitiu uma nota dizendo que está fazendo um reordenamento na rede estadual, para otimizar os recursos financeiros, potencializar os espaços, melhorar a estrutura física das unidades e a demanda do atendimento aos alunos.

A secretária diz que o prédio do Nilo Póvoas possui 12 salas de aula e capacidade para atender cerca de mil alunos, no entanto, atualmente, atende cerca de 130 alunos em tempo integral.

Diante disso, a Seduc decidiu pelo remanejamento dos alunos da Escola Nilo Póvoas para a Escola Estadual Antônio Epaminondas, localizada no bairro lixeira, em Cuiabá, que também oferta o ensino médio em tempo integral.

Os professores efetivos e profissionais efetivos da Escola Nilo Póvoas serão absorvidos pela escola Antônio Epaminondas.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *