https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/07/7f56f491788624f449b7069549c10e7f-e1569339126781.jpg

ÁGUA NA TORNEIRA

Cuiabá mantém regularidade no abastecimento durante a seca

Reprodução

No ano marcado pela Covid-19 e recorde no número de queimadas em meio ao clima de deserto, um importante avanço no saneamento básico proporciona mais conforto às famílias cuiabanas: a entrada em operação da Estação de Tratamento de Água Sul (ETA Sul) vem trazendo equilíbrio a todos os sistemas de abastecimento da capital mato-grossense. Mesmo com a baixa nos níveis dos rios Cuiabá e Coxipó, as nove unidades de captação permanecem enviando, por dia, cerca de 260 milhões de litros de água para as 11 ETAs que abastecem, juntas, com água tratada e fluoretada, os quase 615 mil moradores da cidade. O volume de água distribuída diariamente registra, do início de agosto até agora, alta de 5% em comparação a igual período de 2019.

Até o final deste ano Cuiabá terá recebido R$ 500 milhões em investimentos na ampliação e melhoria de suas estruturas de saneamento básico. O valor começou a ser aplicado em 2017, quando a Águas Cuiabá – empresa controlada pela Iguá Saneamento – assumiu a prestação do serviço essencial. “Os valores investidos são expressivos e colocam Cuiabá na dianteira do saneamento nacional. No entanto, maiores do que o total investido são os benefícios gerados pela iniciativa. Imagine o ano de 2020, com pandemia, calor, seca e queimadas, se a cidade não tivesse alcançado regularidade no abastecimento de água tratada e não tivesse dobrado sua cobertura de esgotamento sanitário doméstico”, observa o diretor geral da concessionária, William Figueiredo, frisando que água de qualidade da torneira é condição fundamental ao combate à Covid-19.

O gestor explica que as ocorrências de falta de água, hoje, são pontuais e acontecem, predominantemente, em decorrência de intervenções nas redes de abastecimento para a execução de melhorias estruturais, a exemplo de substituições de redes antigas e desgastadas. “Esse trabalho é realizado continuamente pela concessionária, em cumprimento ao contrato de concessão e sob permanecente acompanhamento do órgão regulador, que é a Arsec.” Figueiredo lembra, no entanto, que um antigo inimigo do abastecimento regular – o furto de água (gato), segue impactando algumas regiões da cidade. “Combater esse crime é um desafio que temos enfrentado dia após dia, juntamente com a Polícia Civil.”

Combate a perdas – Cuiabá tem, hoje, quatro grandes sistemas de abastecimento de água tratada, capazes de atender às atuais necessidades da população: Lipa, Tijucal, Central e Sul. O mais novo deles, o SAA Sul, beneficia diretamente 155 mil pessoas em 87 bairros. Sua entrada em operação permitiu a desativação de poços artesianos que abasteciam localidades como o Santa Teresinha – bairro que conta, hoje, com água 24 horas por dia, com a pressão necessária para ‘subir’ nas caixas d’água.

Para garantir que a água produzida chegue adequadamente à comunidade, a Águas Cuiabá implantou o Programa Permanente de Combate às Perdas de Água Tratada. Todas as áreas regularizadas da cidade passarão por uma conferência geral de suas redes de abastecimento, medida que já percorreu mais de 100 bairros da capital. As ações incluem pesquisa de vazamentos não aparentes, fazendo uso de equipamentos (georradares e geofones), além da substituição de tubulações antigas ou danificadas.

Atendimento – Clientes que eventualmente passem por situações de desabastecimento devem entrar em contato com a Águas Cuiabá por meio dos canais de atendimento da empresa, que foram reforçados durante a pandemia e estiagem. O telefone é o 0800 646 6115 e o WhatsApp, (17) 99641-3259.

Sobre a Águas Cuiabá – Por meio de concessão plena com validade de 30 anos, a Águas Cuiabá assumiu os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário na capital matogrossense em 2012. A empresa atende a 613 mil pessoas e tem como objetivo universalizar o acesso da população à água de qualidade e à coleta e tratamento de esgoto. Desde 2017, faz parte da Iguá Saneamento, companhia que está presente em 37 municípios brasileiros e que alcança 6 milhões de pessoas com o compromisso de ser a melhor empresa de saneamento para o Brasil.

Sobre a Iguá Saneamento: A Iguá Saneamento, controlada pela IG4 Capital, atua no gerenciamento e na operação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, por intermédio de concessões e de parcerias público-privadas. Atualmente, está presente em 37 municípios de cinco estados brasileiros: Alagoas, Mato Grosso, Santa Catarina, São Paulo e Paraná, por meio de 18 operações que somadas beneficiam 6 milhões de pessoas. O alcance dos serviços prestados pela companhia a coloca entre os principais operadores privados do setor de saneamento do país. Em 2019, foi eleita pelo terceiro ano consecutivo uma ótima empresa para se trabalhar pela consultoria Grate Place to Work (GPTW). Atualmente, emprega cerca de 1,5 mil pessoas. O nome Iguá é uma referência direta ao universo em que atua: em tupi-guarani, “ig” quer dizer água. www.iguasa.com.br.

 

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *