https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2015/09/ufmt-e1564495848837.jpg

UFMT

Justiça bloqueia conta e manda pagar vigilantes

Reprodução

A Justiça Estadual encontrou R$ 726 mil em conta usada pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e determinou o bloqueio do montante via Bacenjud para que a universidade pague a empresa de vigilância MJB Vigilância e Segurança LTDA. O dinheiro foi bloqueado e a UFMT tem cinco dias para se manifestar no processo.

A empresa alega que está sem receber da universidade desde janeiro de 2019. Os vigilantes da UFMT chegaram a fazer uma manifestação e fecharam a guarita de entrada em agosto.

À época, a gestão da UFMT negou a existência dos débitos com a empresa.

A crise na universidade se agravou em abril, após o Ministério da Educação contingenciar parte dos recursos das universidades federais. Em junho até a energia da instituição foi cortada por falta de pagamento de contas. Em julho, a universidade teve a paralisação dos funcionários terceirizados responsáveis pela limpeza.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 12 de outubro de 2019 às 15:30:53