https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2019/09/WWWW_MG_5782-785x466-1.jpg

ACUSADO DE ASSÉDIO

Wilson diz que caso de Adevair é 'grave' e que vereador precisa ter 'serenidade'

Abdalla Zarour

Vice-presidente do diretório municipal de Cuiabá, o deputado estadual Wilson Santos (PSDB), classificou como “grave” as denúncias contra o vereador Adevair Cabral (PSDB), por, supostamente, assediar mulheres e explorar sexualmente adolescentes.

De acordo com o tucano, Adevair deve manter o equilíbrio para se defender das acusações.

“Eu desejo ao vereador Adevair serenidade e que ela possa  ter oportunidades para provar a sua inocência. É uma acusação grave e eu espero que ele possa ter toda a serenidade possível para provar que não se envolveu nesse tipo de assédio”, afirmou.

Adevair é alvo de uma denúncia anônima que se encontra no Ministério Público sobre um suposto esquema de exploração sexual envolvendo adolescentes na Aspe (Associação dos Servidores da Prefeitura de Cuiabá).

A acusação foi protocolada 5ª Promotoria de Justiça Criminal de Várzea Grande e, logo em seguida, em agosto de 2017, foi encaminhada pelo promotor Mauro Poderoso de Souza e para a Polícia Judiciária Civil.

Já na semana passada veio à tona uma outra denúncia de assédio e importunação sexual, após Adevair Cabral ter registrado um boletim de ocorrência contra o vereador Abílio Júnior (PSC), que chegou a ser procurado pela vítima para ajudá-la.

Ele acusa Abílio de estar divulgando a foto que teria recebido da vítima.

O parlamentar já recebe o apoio do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que afirma acreditar em sua inocência.

Já Adevair acredita que as denúncias não passam de uma perseguição política.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO

  • 8 de novembro de 2019 às 08:52:36