https://matogrossomais.com.br/wp-content/uploads/2020/01/707b5af87f0b0071e0b77c6a2de807fc.jpg

Governo de MT - MT Mais Social - Setembro

VEJA OS VÍDEOS

Jovem de MT morre com 90% do corpo queimado ao incendiar casa de deputada na Bolívia

DA REDAÇÃO / MATO GROSSO MAIS
[email protected]

Reprodução

O brasileiro Thiago Garcia Galha, 26 anos, morreu após ter 90% do corpo carbonizado num possível roubo a casa de uma deputada departamental no povoado de San Matias, na fronteira de Mato Grosso e Bolívia. O caso ocorreu na madrugada de quarta-feira (1º). Thiago é morador de Mirassol d’Oeste.

As informações são de que Thiago, outros dois brasileiros e um comparsa, identificados como Victor Benedito Lopes Pagano, Ruben Osvaldo Hurtado Masab e Zenaide Antunes Duarte tentaram roubar a casa da uma parlamentar Ceidy Carreño.

Os relatos são de que durante o roubo, os suspeitos atearam fogo na casa e, num descuido, o fogo incendiou os galões que os brasileiros, incluindo Thiago, seguravam. Todos foram socorridos e encaminhados ao Hospital Regional de Cáceres. Thiago sofreu queimaduras de 2º e 3º graus em 90% do corpo e não resistiu, indo a óbito na unidade de saúde. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

O prefeito de San Matias, Fábio Lopes Olivares, gravou um vídeo esclarecendo que a Polícia Nacional Boliviana está em busca das informações e investiga do caso com o apoio do Grupo Especial de Fronteira – Gefron – e da Policia Federal em Cáceres.

“Queremos declarar que ninguém foi queimado por cidadãos bolivianos, e sim eles próprios se envolveram no incêndio provocado, e todos os socorros foram feitos para que os envolvidos pudessem serem salvos, os primeiros socorros foram feitos ainda no atendimento médico em San Matias e depois as ambulâncias levaram todos os envolvidos até a cidade de Cáceres, onde recebem os socorros, porém dos envolvidos não resistiu”, diz em vídeo oficial

Na rede social, informações no perfil de Thiago dão conta que ele deixa esposa e filho.

Veja Mais

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *